contato@comunicabc.com.br

24 de abril, 2024

Glossário cripto: conheça os termos mais utilizados do mercado

cripto

O mercado cripto já tem seu próprio espaço e conquistou muitos interessados. Sejam os Bitcoins ou outras moedas mais recentes, aplicar seu dinheiro nelas exige um pouco de conhecimento.

A regra é quase a mesma para quem investe em ações, você precisa conhecer o mercado de investimentos digitais e saber o momento certo de comprar ou vender as criptomoedas. Quanto ao glossário deste tipo de aplicação, você conhece quais são os termos mais utilizados? Confira abaixo!

Airdrop

Mecanismo de distribuição gratuita de tokens com o intuito de atrair mais investidores interessados nas criptomoedas. Voltado para quem participou de algum período de testes ou está em uma lista.

Altcoin

Criptomoedas alternativas ao conhecido Bitcoin. São as outras moedas digitais existentes no mercado e que surgiram a partir dos Bitcoins.

Baleia

Um usuário que possui grande parte de uma determinada moeda digital. Ele é chamado de baleia por ser quem controla o seu preço.

Bear

Vem da palavra em inglês urso. Envolve um investidor que aposta na queda da criptomoeda. Um Bear Market é um mercado em queda, pois quem investe nele acredita que o valor da moeda vai cair.

Carteira digital

Um programa no qual você consegue acessar seus criptoativos, ou seja, seus investimentos nas criptomoedas. Ali estão guardadas suas chaves públicas e privadas.

Chave privada

É uma das senhas e não deve ser compartilhada com outras pessoas. Fica salva na sua carteira digital e permite que você movimente seus criptoativos. É equivalente a uma senha de banco.

DDoS

Distributed Denial of Service, um ataque visando congestionar acessos e prejudicar o funcionamento de um servidor.

Dust transaction

Uma transação de baixo valor feita com uma quantidade menor de criptomoedas. Ainda assim, ocupa espaço no blockchain.

Ethereum

Plataforma fundada em 2014 responsável pelo Ether, sua própria criptomoeda. Opera em sua própria Blockchain e trabalha com contratos inteligentes.

Exchange

É onde acontece a troca de moedas e outros criptoativos. Seria o equivalente a uma corretora do mercado de investimentos digitais.

FOMO

Um termo utilizado para justificar uma reação emocional dos usuários. Envolve o medo de ficar de fora de um investimento interessante.

FUD

As iniciais em inglês para Medo, Incerteza e Dúvida. Envolve um estado de espírito dos investidores de criptomoedas após receberem notícias negativas, por mais que nem sempre estas sejam verdadeiras.

Gasto duplo

É quando uma pessoa recebe um bloco de criptomoedas, mas este acaba sendo descartado. Para evitar o problema, são necessárias três ou mais confirmações dos investidores.

Gas

Um mecanismo de precificação exclusivo da Etherum. É o cálculo de uma taxa para poder fazer as transações na plataforma.

Halving

Quando a recompensa pelos blocos minerados cai pela metade. No Bitcoin este evento ocorre a cada 4 anos.

Hot Wallet

Uma carteira de criptomoedas conectada com a internet, ou seja, que está online. São menos seguras que as cold wallets, porém, mais rápidas.

ICO

Traduzido para o português, Oferta Inicial de Moeda. Um sistema para arrecadar fundos para uma empresa e até para startups.

KYC

São investimentos nos quais é necessário conhecer seu cliente (tradução do inglês de Know your customer). Dificulta casos de lavagem de dinheiro ou fraudes.

Ledger

Funciona como se fosse um livro em que ficam registradas as transações financeiras do mercado de criptomoedas. Tudo que passa pelo Blockchain.

Mineração

É como os novos Bitcoins são criados e o processo de validação das transações realizadas no Blockchain.

Oráculos

Softwares que ajudam na conexão entre as informações que estão dentro e fora da Blockchain.

Pump and Dump

Técnica considerada uma fraude dentro do mercado de investimentos digitais. Consiste em aumentar artificialmente, por meio de documentos falsos, o valor de um ativo comprado por preço mais baixo.

Stablecoin

Criptomoeda projetada para manter seu preço sempre estável no mercado. Se tornou popular entre investidores que não querem se arriscar tanto.

Token

São criados e distribuídos para as pessoas com o intuito de, um dia, valerem algo, porém, não são criptomoedas.

Volatilidade

A variação de preços dos criptoativos, o quanto ocorrem aumentos ou quedas em um determinado período.

Whitepaper

Documento que explica o funcionamento de um projeto, no caso, a tecnologia das criptomoedas ou dos criptoativos. É como um manual de instruções.

Tags:

Redação BB jovem

Redação BB jovem

O BB jovem é um portal que traz as principais artigos e noticias para te ajudar. Trazendo dicas e muito conteúdo de qualidade.

Está Gostando? Compartilhe

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimos artigos publicados​