contato@comunicabc.com.br

18 de maio, 2024

CNH em 2023: veja o que mudou

CNH Carro

A CNH brasileira sofreu diversas alterações neste ano de 2023. Portanto, conhecer todas elas é essencial para o brasileiro não se encrencar futuramente

Todos os anos os requisitos para conseguir pegar a carteira de habilitação em território nacional sofrem algumas mudanças. Sejam essas mudanças pequenas ou grandes, estar a par de toda a situação para começar os procedimentos de obtenção da carteira de habilitação, ou até mesmo renovar a CNH, é extremamente importante.

Por isso, o brasileiro que acabou de completar seus 18 anos e está atrás de conseguir sua primeira habilitação precisa estar de olho em tudo que mudou na CNH em 2023.

CNH brasileira em 2023

A habilitação para dirigir veículos em nosso país chamada de Carteira Nacional de Habilitação aderiu ao lema de “ano novo cara nova”, pois em 2023 houve muitas mudanças, tanto em seu visual quanto em suas regras.

Com essa grande atualização que vem sendo aguardada pelo brasileiro desde meados de 2022, que foi quando surgiu a hipótese desta mudança, milhares de pessoas estão buscando entender todas as regras que, agora, neste ano vigente, passam a valer. Estima-se que houve alterações até mesmo no período de validade do documento nacional, portanto conferir mais de perto essas mudanças é algo necessário.

Principais mudanças que aconteceram na CNH

Neste “novo documento” que passou a valer está incluso no design uma tabela com especificações dos veículos que o condutor portador do documento está apto para dirigir, além de finalmente conseguir se assimilar aos outros documentos de direção internacionais, pois a nova CNH possui tradução para o inglês, a língua universal, e para o espanhol.

O documento brasileiro que está de cara nova possui outras novidades que podem despertar o interesse do brasileiro. Como, por exemplo, a alteração do prazo de validade.

Através das novas regras estabelecidas através do Código de Trânsito Brasileiro para a nova CNH, a validade da carteira irá variar de acordo com a idade. Por exemplo:

  • Pessoas de até 49 anos deverão realizar a renovação do documento a cada 10 anos;
  • Já os condutores de veículos que têm de 50 a 69 anos terão sua habilitação válida por 5 anos, ou seja, a metade do tempo;
  • E por fim, condutores com mais de 70 anos terão a validade da CNH por apenas 3 anos.

Essas mudanças serão extremamente essenciais para conseguir manter a ordem no trânsito, pois os condutores mais velhos terão sua aptidão em dirigir veículos testada em menor tempo, colocando a prova se eles estão realmente em condições de pegar no volante.

Ainda, nas novidades presentes na nova CNH, aparece o novo sistema de limites de pontos. Na vigência do documento antigo, o limite de pontos para ter o documento suspenso era de 20 pontos totais, entretanto, com as novas leis, o limite de pontos para suspender uma carteira de motorista foi flexibilizada, e estão da seguinte maneira:

  • Se o condutor não cometer nenhuma infração gravíssima, o limite de pontos para ter o documento suspenso é 40;
  • Para infratores que realizaram uma infração gravíssima, o número de pontos é 30;
  • Já se o condutor cometer duas infrações graves, o limite de pontos desce imediatamente para 20.

Esses pontos foram as principais mudanças que ocorreram neste estimado documento brasileiro. Portanto, podem haver muitas outras mudanças no decorrer do tempo, sendo necessário, então, verificar sempre se houve alterações na CNH para que assim o brasileiro se mantenha atualizado, e sempre nas leis de trânsito que o país determina, a fim de reduzir acidentes e melhorar o trânsito.

Vale ressaltar que o processo para iniciar os procedimentos para adquirir a primeira habilitação continua sem alterações, então, continua sendo necessário ter 18 anos e atender a alguns outros requisitos.

Tags:

Redação BB jovem

Redação BB jovem

O BB jovem é um portal que traz as principais artigos e noticias para te ajudar. Trazendo dicas e muito conteúdo de qualidade.

Está Gostando? Compartilhe

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimos artigos publicados​